O excesso de álcool e suas consequências no organismo

O consumo exagerado de álcool já é considerado similar ao alcoolismo.

bebida foto de Alexandra Zakharova

Se você gosta de sentir o prazer de dividir seu tempo com amigos, saboreando uma bebida no final do dia ou em festas, mas sempre passa do limite, vale a pena conferir estas informações. Embora não se fale muito neste assunto, a Organização Mundial da Saúde já alertou sobre os riscos do consumo exagerado de álcool. Quase 4% das mortes no mundo todo são provocadas por este hábito, superando muitas outras doenças graves.

O consumo exagerado de álcool já é considerado similar ao alcoolismo, que é a dependência do álcool. Significa que, na prática, aqueles que consomem álcool em demasia podem ter os mesmos problemas que aqueles que são alcoólatras. O fígado, órgão responsável por metabolizar o álcool, somente consegue metabolizar em média uma dose de bebida alcoólica por hora. Quando não consegue dar conta do excedente, o resto do álcool fica circulando no sangue e intoxicando, causando alterações e danos em diferentes órgãos.

Pesquisei algumas consequências deste excesso, o que pode causar e como ele afeta cada parte de nosso organismo. Veja:

Sistema nervoso central - perda da memória e reflexo, problemas de atenção e perda da memória. Em doses mais altas causa sonolência e coma alcoólico

Pulmões: respiração fica mais lenta, causando dificuldades para respirar.

Sistema renal: o etanol altera a capacidade dos rins de filtrar as substâncias do nosso corpo. Pode causar uma alteração dos hormônios que controlam a pressão arterial, o que culmina em hipertensão arterial.

Sistema gastrointestinal: irrita as mucosas do esôfago e do estômago, alterando as membranas do intestino, prejudicando a absorção. Os resultados podem ser esofagite, gastrite e até diarreia. Já no fígado, o álcool pode alterar a produção de enzimas, aumentando este conjunto de substâncias que serão responsáveis pela metabolização.

bebida  foto cc MattSistema cardiovascular: a ingestão de bebidas alcoólicas favorece a liberação de dopamina no cérebro. Este hormônio neurotransmissor é responsável pela regulação de outras substâncias que, por sua vez, regulam o sistema cardiovascular. Isto significa uma possível alteração da pressão arterial, da frequência cardíaca e depois, dos vasos sanguíneos. A taquicardia e a hipertensão arterial são as consequências mais comuns.

Sistema hormonal – glândulas: os hormônios ficam alterados. Pessoas que já apresentam doenças de alteração hormonal, como diabetes, sentem com mais intensidade os danos físicos pela ingestão de bebidas alcoólicas. A principal consequência do abuso de álcool em diabéticos, por exemplo, é uma rápida evolução ao coma alcoólico. O etanol altera a metabolização da glicose pelo fígado e pelo pâncreas, que já está afetado pela diabetes. Em consequência os danos aparecem mais rápido.

Ressaca : enjoo e vômitos, tontura e pensamento embaralhado, diarreia, moleza e até sentimento de tristeza.

Doenças que podem surgir do alcoolismo: gastrite crônica, hepatite crônica que pode evoluir para cirrose, hipertensão arterial, diabetes por alteração crônica no funcionamento do pâncreas e problemas de memória que podem evoluir para demência alcoólica. O álcool também altera a imunidade, abrindo caminho para o surgimento de outras doenças.

O saldo negativo é extenso e significa um alerta importante, principalmente se considermos o consumo cada vez maior e frequente entre jovens e adolescentes, ainda que não permitido.

Todas estas consequências físicas são geradas pelo excesso de consumo. Não significa que seja necessário você excluir definitivamente o álcool da sua vida. Entregue-se ao prazer e encanto de saborear sua bebida preferida entre amigos, mas mantenha sua saúde em dia, estipulando limites moderados para que este prazer não se transforme futuramente em dor.

Fica a dica!

Por BCires

Fonte: NHI – National Institute on Alcohol and Alcoholism

Imagens: cc  Alexandra Zakharova   cc Matt


Deixe um Comentário Cancelar resposta
O seu endereço de email não será publicado


RECEBA NOSSOS
INFORMATIVOS

Loja Online

Alerta
Ok
Carregando
Erro

Não foi possível ler a página!