Simbolismo Numérico

Conhecendo o poder dos números em nossas vidas, entendemos os nossos processos evolutivos.

 Foto por Higetiger Flickr

Sob a luz da Numerologia Pitagórica os números são muito mais do que quantias e contas matemáticas.

O filósofo grego Pitágoras considerou, no século IV a.c, os números como símbolos de uma ordem universal divina e chave para as leis harmônicas do universo.

O simbolismo numérico não está exclusivamente associado aos estudo de Pitágoras, mas também a sabedoria de diversas culturas orientais e ainda devemos essa compreensão a psicologia profunda e principalmente a Carl G, Jung, que conseguiu decifrar que o inconsciente se expressa por meio de imagens e símbolos.

A compreensão desses números precisa ser levada para o consciente para que o indivíduo possa familiarizar-se com a linguagem simbólica e associar a qualidade arquetípica intrínseca em cada número de um só algarismo.

O simbolismo dos números são utilizados em diversos oráculos e estudos, tais como a cabala, magia, alquimia, astrologia, tarô e numerologia.

Falarei do simbolismos de cada número segundo os princípios da numerologia e o histórico trazido por esse grande filósofo, pensador e mestre, Pitágoras de Samos.

zeroZERO

O número da totalidade e da unidade universal e da matéria primordial da qual tudo se origina. O tudo ou o nada.

Simbolizado pelo círculo, a roda, a gruta e a Uroboros - serpente que morde a própria cauda.


número 1UM

O número do indivisível, o todo está contido em tudo. O Eu sou.

Simbolizado pelo ponto, portanto o ponto dentro do círculo diferencia a totalidade, representa a mortalidade e a energia yang.


numero 2DOIS

O número das polaridades e da consciência dos opostos.

Simbolizado pelo círculo dividido ao meio ou a linha que une dois pontos, duas polaridades e a energia yin.


numero 3TRÊS

O número divino e o símbolo da força vital.

Simbolizado pelo triângulo, da unificação do homem e da mulher surge o terceiro que é o filho. O símbolo de peixes, e nome de Jesus, a santíssima trindade, os três reis magos, a flor de lis, o Tao Te King.


numero 4QUATRO

O número terreno e o símbolo de ordem e poder.

Simbolizado pelo pirâmide – quatro triângulos justapostos, ou pelo quadrado, os quatro elementos, as quatro estações, as quatro fases da vida, número da ordem de tempo e espaço.


numero 5CINCO

O número do homem e da quintessência.

Simbolizado pela estrela de cinco pontas – PENTAGRAMA onde o homem está com os pés na terra e sua cabeça eleva-se em direção ao céu, união do céu e da terra, os cinco sentidos, cinco dedos em cada mão e o meio do caminho.


numero 6SEIS

O número da unificação dos opostos e união dos cinco elementos.

Simbolizado pela estrela de seis pontas ou pelo hexágono que é unificação de dois triângulos, os seis dias da criação e também o símbolo central no I Ching.


numero 7SETE

O número sagrado da integridade, da plenitude, totalidade e perfeição. Simbolizado pela estrela de sete pontas, os sete dias da semana, cada fase da lua dura sete dias, a sequência dos planetas segue o traçado da estrela de sete pontas, os sete mares, as sete maravilhas do mundo, os sete raios da doutrina teosófica, os sete passos para a iniciação da Grande Obra da Alquimia, o sétimo ano astrológico regido por saturno.


numero 8OITO

O número do equilíbrio e da justiça e da renovação.

Simbolizado pelo octógono, estrela de natal que tem oito pontas, a roda da fortuna de oito raios e os oito caminhos do budismo.


numero 9NOVE

O número da iniciação e do recolhimento antes de se dar um passo para o novo.Simbolizado pelo eneagrama e os nove estágios de evolução de Gurdjieff, o caminho de fora para dentro, similaridade em diversas línguas das palavras nove e novo, os nove meses de gestação, o nove é um número que se recolhe em si mesmo (ao passo que o seis é um número que sai de si mesmo), os nove graus iniciaticos da ordem rosa cruz, o voto do nono ano dos franciscanos e beneditinos, as noves esferas celestiais, o ponto central da rosa dos ventos.


Assim percebemos que tudo está envolto de simbolismo e os símbolos fazem parte do consciente e inconsciente coletivo, desta forma utilizá-los como uma valiosa ferramenta de autoconhecimento é trazer para a luz dos nossos olhos aquilo de nossa existência que está adormecido.

Quando conhecemos e entendemos cada potência numérica em nossa vida podemos nos apropriar e praticar a potência positiva de cada número a fim de entendermos os nossos processos evolutivos e aceitarmos o lado negativo e nosso lado sombra, como parte integrante do equilíbrio.

A beleza da vida está em sermos uma centelha divina e aspirar a perfeição é o primeiro passo da nossa longa e feliz jornada da vida.


Adriana PerazelliPor: Adriana Perazelli

Advogada, Pós graduada em Marketing e Naturopatia. . .

criancasdasestrelas.blogspot.com.br


 

 

 

Crédito Imagem Superior: cc Flickr - Higetiger

1 Comentários

virginia mattos
2013-09-15 13:03:54
Adoro tudo em relação a numerologia, sei que são importantes e influenciam...vamos interagir
1 Comentários

virginia mattos
2013-09-15 13:03:54
Adoro tudo em relação a numerologia, sei que são importantes e influenciam...vamos interagir

Deixe um Comentário Cancelar resposta
O seu endereço de email não será publicado


Deixe um Comentário Cancelar resposta
O seu endereço de email não será publicado


RECEBA NOSSOS
INFORMATIVOS

Loja Online

Alerta
Ok
Carregando
Erro

Não foi possível ler a página!