Música - dicas para obter mais relaxamento

Música relaxamento Buddha Spa Blog 1A música tem poderes muito específicos para influenciar o seu humor. Você provavelmente sabe os gêneros de música que levantam o seu humor, relaxam, que fazem você se sentir feliz e assim por diante.

A música tem sido usada com sucesso para reduzir a ansiedade, estresse e depressão. A capacidade da música para induzir a um estado calmo faz com que seja útil em processos de cura e tratamento da dor, já que o estado de espírito do paciente é um dos fatores que mais influencia a rápida recuperação. Se os estados emocionais e mentais do paciente são negativos, o sistema nervoso simpático é ativado e o corpo não tem a oportunidade de se curar. É por isso que musicoterapeutas, pesquisadores profissionais, de saúde e psiquiatras concordam que a música é um complemento importante para qualquer protocolo de tratamento. Simplesmente por poder influenciar positivamente a mente do paciente, a cura é acelerada e a saúde melhora.

A música pode acalmar de várias maneiras. Parte deste  efeito é físico. O coração sincroniza rapidamente o seu próprio ritmo ao ritmo de uma canção. É por isso que melodias lentas com batidas repetitivas são as melhores para promover um efeito calmante - elas literalmente abrandam o ritmo cardíaco e acalmam o seu sistema nervoso! Sua respiração também sincroniza com o ritmo da música.

Relaxamento Buddha Spa Blog 3O melhor de tudo: a música é uma distração. Você pode ter uma avalanche de pensamentos estressantes dentro da sua cabeça - e como a música relaxa o corpo, seu cérebro vai relaxar também. E se você realmente focalizar sua atenção na melodia, vai perceber que seus pensamentos vão desacelerar dramaticamente! Toda a atividade frenética no seu cérebro que está fazendo você se sentir estressado e ansioso vai abrandar, os pensamentos vão diminuir e você vai sentir o efeito calmante de relaxamento físico e mental.

O tipo de música que você escolhe é muito pessoal. Você pode se divertir ouvindo música clássica, por exemplo. Muitas músicas clássicas têm o mesmo ritmo do coração de uma pessoa em repouso. Permitindo que o coração e respiração sincronizem com este ritmo, automaticamente você irá se tranquilizar. Canon de Pachelbel - Johann Sebastian Bach - é uma das mais suaves. Ela é frequentemente usada por sua capacidade de acalmar. Além da sua bela melodia, tem as qualidades que você precisa em uma música suave - ritmo lento, variedade limitada de tom e não tem uma percussão forte. Um jazz suave também pode ser uma escolha mais popular, mas  com o mesmo efeito.

No entanto, tempo não é tudo. Você pode preferir outros gêneros musicais, com um ritmo mais rápido, mas busque sempre uma batida de indução. A chave aqui é que o ritmo seja compassado e repetitivo para que o coração sincronize. A música tem sido utilizada por muitos milhares de anos para colocar as pessoas em transe (imagine pessoas sentadas em torno de um fogo, com xamãs batendo um ritmo ao fundo. O cérebro e o corpo mergulham no ritmo, causando a experiência única, levando a um estado alterado de consciência.) Um ritmo acelerado vai elevar a frequência cardíaca e respiratória, causando um estado de excitação, o ritmo moderado é calmante em virtude de ser repetitivo e consistente.

Música relaxamento Buddha Spa Blog 2Dicas para obter o máximo relaxamento com  músicas suaves:


1. Ao montar a sua própria seleção de músicas não se esqueça de manter o ritmo consistente ou progressivamente mais lento em vez de alternar ritmos diferentes. Para descobrir o BPM de uma música (batidas por minuto), conte o número de batimentos em 10 segundos e multiplique por 6. Busque músicas com 70 BPM ou menos. Inicie sua trilha musical com a música que tenha um ritmo mais rápido e então, gradualmente, inclua as mais lentas. Você vai relaxar rapidamente se a progressão de ritmo for consistente, o que significa descer 70, 60 a 50, em vez de 70 para 50 a 60.

2. Preste atenção na sua frequência cardíaca e respiração. Se tudo fica mais lento e relaxa enquanto você está ouvindo uma música, ela é calmante, caso contrário, guarde para outra ocasião.

3. Escolha a música preferencialmente sem voz. O canto pode gerar grandes distrações e o ritmo lento da música popular muitas vezes é bastante deprimente. Ouvir músicas sobre amores perdidos e tristezas não vai acalmá-lo. Se você optar por música suave com vocal, certifique-se que a letra é positiva e otimista para não arrastá-lo para a depressão.

4. Feche os olhos e solte a imaginação. Imagens agradáveis podem ajudar a acalmar sua mente. Use sua imaginação para criar um cenário tranquilo, onde você está feliz, seguro (o oposto exato de como você está sentindo quando você precisa para acalmar).

5. Mergulhe na música tanto quanto puder. Preste atenção na melodia e nos instrumentos. Tente isolar o som dos instrumentos individualmente em suas melodias e batidas, é uma ótima maneira de tirar o foco de suas preocupações.

Não há nenhuma música certa ou errada para pausar e ouvir o seu interior. Escolha melodias que acalmem, que sejam do seu gosto e que te façam ficar mais feliz! Embale-se nos sons, eles podem fazer milagres!

Fonte parcial: www.temple.edu/musictherapy

Crédito imagens:  Photol.com

 


Deixe um Comentário Cancelar resposta
O seu endereço de email não será publicado


RECEBA NOSSOS
INFORMATIVOS

Loja Online

Alerta
Ok
Carregando
Erro

Não foi possível ler a página!