Aprender a escutar é fundamental!

Saber escutar reflete nos seus relacionamentos.

Aprender a escutar Buddha Spa Blog

Você sabe a diferença entre ouvir e escutar? Pode parecer sutil, mas na verdade faz toda a diferença.

- Ouvir é um ato mais físico e superficial, ligado a audição.

- Escutar é um ato mais amplo e complexo, pois significa ouvir, prestando atenção para que o seu cérebro entenda realmente. E aí está um dos grandes erros de comunicação entre as pessoas que de um modo geral preferem falar mais e, consequentemente, escutam menos.

A rapidez do cérebro

A nossa boca não consegue acompanhar  a rapidez do cérebro. Pesquisas científicas mostram que podemos pensar cerca de quatro vezes mais rápido do que podemos falar, o que perfaz cerca de 125 palavras faladas para cada 500 que pensamos. Como nosso cérebro fica entediado com a lentidão da palavra falada, é fácil entender por que nossas mentes vagam para outros assuntos durante uma conversa, discurso ou palestra.

Um diálogo verdadeiro se faz com entendimento e troca. Não é uma competição de "quem tem mais coisa a dizer"... É sempre importante uma auto avaliação para verificar até que ponto você é um bom ouvinte, pois esta pode ser a grande diferença em seus relacionamentos, sejam pessoais ou profissionais. A habilidade de saber escutar reflete profundamente no nosso sucesso social, emocional e profissional.

Saber ouvir - Buddha Spa Blog 2

Comunicação no trabalho

Os gerentes gastam cerca de 40 por cento de sua jornada de trabalho escutando, mas um estudo da Universidade de Michigan comprovou que a sua eficácia na escuta atinge cerca de 25 por cento. Outro relatório mostrou que os trabalhadores quando ouvem instruções ou apresentações conseguem captar cerca de 40 por cento, entendem 25 por cento e, depois de alguns dias, lembram-se apenas 5 por cento das informações passadas. Neste processo perde-se tempo e dinheiro!

Erros de escuta e técnicas ineficientes de comunicação podem causar acidentes de trabalho, desentendimentos de gestão/subordinação do empregado, problemas, erros no preenchimento de pedidos dos clientes e até cancelamentos de contratos. E assim também ocorre nos relacionamentos.

Aprendendo a escutar

Como estudos já comprovaram que escutar é uma habilidade que podemos aprender, considere levar esta tarefa muito a sério. Inicialmente, para saber como ouvir alguém, pense principalmente sobre como você gostaria de ser ouvido.

Veja algumas dicas que podem ajudar muito:

Mostre interesse: mantenha sempre contato com os olhos, fique de frente mostrando que está atento, e jamais fique olhando no relógio, como se estivesse atrasado.

Concentre-se apenas no que o orador está dizendo. Tente não dispersar entendendo tudo  para saber o que você vai dizer em seguida. Você precisa ouvir e compreender até o final para poder responder, ou não, ao que está em pauta.

Mantenha a mente aberta. Aguarde até que o orador tenha terminado antes de decidir se você discorda ou tem algo a acrescentar. Tente não fazer suposições sobre o que ele está pensando. E, se não entender, pergunte!

Evite interromper para contar como você lidou com uma situação similar ou ficar contando seus  próprios casos.  Este comportamente é um vício desagradável. Muitas pessoas só querem desabafar. A menos que um conselho seja solicitado, limite-se a ouvir.

ouvir escutar Buddha Spa Blog 3Mesmo que o orador esteja fazendo uma queixa ou crítica a seu respeito, espere até que termine para se defender. O orador vai se sentir aliviado de ter falado tudo e não sentirá necessidade de repetir. Você terá tempo para compreender todo o argumento antes de responder. Pesquisas mostram que, em média, podemos ouvir quatro vezes mais rápido do que podemos falar, então nós temos a habilidade para ordenar as ideias até que elas cheguem e estar prontos para responder adequadamente.

Evite estas 3 barreiras de compreensão:

Planejar - o pensamento e elaboração de sua resposta, enquanto a outra pessoa está falando.

Divagar - quando você ouve uma palavra que faz sua mente "viajar" para lembranças ou para um evento relacionado a essa palavra. Isto é geralmente involuntário.

Sonhar - Esta é voluntária. Por alguma razão, você não quer ouvir, então viaja para bem distante em sua mente, lembrando de outro assunto ou acontecimento, ficando totalmente ausente do diálogo.

É claro que estas são apenas algumas dicas, mas esperamos que você possa reavaliar sobre seu comportamento nos diálogos e colocar em prática estas dicas, pois são muito úteis.

Preste atenção em como você se comporta durante um diálogo e corrija o que for necessário. Será extremamente positivo na sua vida e seus amigos afirmarão que você é um ótimo ouvinte: coisa rara hoje em dia! (Falar é prata, calar é ouro, um bom amigo vale um tesouro! )

Por BCires - Fontes: faculty.kfupm.edu.sa  powertochange.com (Matéria atualizada)  Imagens: Photl.com


Deixe um Comentário Cancelar resposta
O seu endereço de email não será publicado


RECEBA NOSSOS
INFORMATIVOS

Loja Online

Alerta
Ok
Carregando
Erro

Não foi possível ler a página!