Dermatologia Integrativa – que ela pode oferecer?

Assim como a medicina integrativa, um novo conceito da prática da medicina que já foi implantada em alguns hospitais em São Paulo, como o Albert Einstein e o Sírio Libanês, a dermatologia integrativa trata questões dermatológicas, levando em conta todos os aspectos envolvidos na sua origem e interage com terapias complementares, de forma que o foco passa a ser o ser humano como um todo e não apenas as questões por ele apresentadas. Os resultados são muito gratificantes pois, na maioria das vezes, questões dermatológicas são apenas a superfície de algo muito mais amplo, que está acontecendo no organismo como um todo. Isso vale tanto para questões clínicas como estéticas.

O diferencial entre uma consulta dermatológica convencional é o olhar do dermatologista durante a consulta. A naturalidade do corpo é respeitada na escolha dos tratamentos e também na forma de se tratar questões estéticas.

Tratamentos rejuvenescedores como a aplicação de toxina botulínica para rugas de expressão, peelings químicos, preenchimentos de linhas faciais, corporais ou lábios e tratamentos a laser têm como objetivo serem minimamente invasivos e, em primeiro lugar, preservarem a naturalidade da expressão facial.

Também são realizados outros tratamentos corporais, como remoção definitiva de pelos a laser e o tratamento de telangectasias (“vasinhos” ) nas pernas, também a laser. Temos o cuidado de utilizar máquinas de excelente qualidade, que proporcionam tratamentos praticamente indolores e que oferecem resultados eficazes.

Mais detalhes técnicos sobre os tratamentos estéticos: www.christianaalonso.com.br

Deixe uma Resposta

Deixe uma resposta